domingo, 31 de maio de 2009

Beija-Fulô toma conta do jardim

Eu sou um beija-fulô
Que gosta de beijar flor natural
Eu gosto de saber que estás ai
Amanhã trago seus brincos e bijouterias
E eu não aguento toda essa alegria que você me faz sentir
É bonito
Fulô, me chame de novo daquele jeito lá, eu gosto.
Obrigada por me emprestar um pouco de você
As vezes parece longe demais essa sua voz
Eu espero que não me espere, que não pare de tentar
Você é linda, Fulô!

Dedicado a Anazézim

Um comentário:

  1. Bom, eu já havia te mandado por e-mail o que eu tinha achado disso tudo, mas repito para que você guarde: lindo lindo lindo! De uma boniteza, talvez, tua, única! É, as belezas são individuais! =) Mas as pessoas juntas são bem mais, não é? Não tenho dúvidas disso, pois quando encontro o Amor, nossa... Fico tão mais!
    Obrigada, Má! (F)

    ResponderExcluir